quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Maquina de feltrar lã

Em janeiro um casal de amigos de priscas eras estavam no sítio.
 Nós quatro fizemos algumas pantufas.
 Depois deles muito usarem  os músculos veio a sugestão: 
meu marido fazer uma máquina de feltrar.
 Nos colocaram pilha!!
Depois chegaram outros amigos que também  resolveram ver de perto essa história de feltragem manual. 
Todos achavam muito interessante os resultados,
 os produtos da feltragem, 
contudo perceberam que havia que ter
 vigor, saúde, ânimo, para feltrar peças grandes.
Nos colocaram mais pilhas!!!

máquina de madeira e canos, com motor, para feltrar lã
máquina de feltrar lã

 Meu marido então iniciou suas pesquisas pela internet 
para ver o que havia no mercado da feltragem artesanal.
Pesquisou...estudou...analisou...refletiu...
comparou as peças...fez vários esboços...
e finalmente saimos para comprar os materiais necessários.
Moramos num lugar que não tem muitas alternativas 
de escolhas de materiais.
A idéia foi usar o que tínhamos mais próximo possivel.
Depois de seis meses de gestação saiu a máquina de feltrar acima.
Ela tem 2,85m de comprimento para feltrar.
Ainda não atingimos o limite da largura de uma peça, ou seja, 
quantas vezes podemos enrolar um tecido no cano.


manta de casal, pala, manta de sofá e colete feltrados na máquina de feltragem
primeiros produtos feltrados na máquina de feltragem

Para fazer os testes na máquina  feltramos
 uma colcha de casal onde utilizei a técnica da pizza,
um pala que tingi com plantas do sítio,
uma manta de sofá onde utilizei fios industriais
e um colete utilizando a técnica do nuno felt.
Todos os produtos foram aprovados.
A máquina sofreu vários ajustes durante o processo
e ainda sofrerá vários outros.
É apenas um protótipo.
Estou feliz com a nova aquisição.
Estou feliz por meu marido ter terminado este projeto.

Até a próxima postagem!

domingo, 11 de outubro de 2015

Tecendo jogos americanos

Tecer é um grande acontecimento na minha vida.
Gosto do que o ato de tecer faz:
 FOCAR O PRESENTE!
Desta vez foi usado barbante número 8
 nas cores amarelo, laranja, vermelho, verde, marrom e cru.
O pente usado foi  o 2:1, no tear de mesa.

seis peças coloridas tecidos no tear manual
jogos americanos

No urdume foram 38 fios amarelos na ranhura. 
Nos buracos foram colocados 
 1 fio laranja, 1 fio vermelho, 1 fio verde e 1 fio marrom,  
na sequencia.
No meio coloquei 2 fios marrom.
Isto troque a sequencia, e os fios amarelos ficaram nos buracos 
e os demais foram colocados na ranhura.
Trama, seguindo da esquerda para a direita à sua frente:
1. meia duite de cru e meia duite de vermelho
2. meia duite de verde e meia duite de laranja
3. meia duite de amarelo até o fim 
e na outra navete ia trocando de cor, com meia duite
4. trama realizada apenas com cru
5. trama realizada apenas com laranja
6. trama realizada apenas com amarelo.


seis peças coloridas tecidas no tear manual
jogos americanos

No urdume foi colocado 45 fios crus e intercalados fios coloridos.
Trama, seguindo da esquerda para a direita à sua frente:
1. duas cores: vermelho e cru. iniciando com uma barra de meia duite para cada cor e depois alternando para uma duite de cru e meia duite de vermelho
2. trama realizada apenas com laranja
3. trama realizada apenas com verde
4. trama realizada apenas com vermelho
5. trama realizada apenas com amarelo
6. trama realizada apenas com cru

cinco peças coloridas tecidas no tear manual
jogos americanos

No urdume 2 fios de laranja, 2 fios de verde, na sequencia.
Trama, seguindo da esquerda para a direita à sua frente:
1. trama realizada apenas com vermelho
2. uma duite de vermelho e uma duite de verde
3. meia duite de vermelho e meia duite de laranja
4. meia duite de cru até o fim e na outra navete ia trocando de cor
5. uma duite de laranja e uma duite de verde


 seis peças coloridas tecidas no tear
jogos americanos

No urdume usei as cores cru, amarelo, laranja, vermelho e verde , um fio de cada, na sequencia.
Trama, seguindo da esquerda para a direita à sua frente:
1. trama realizada apenas com cru
2. trama realizada apenas com verde
3. trama realizada apenas com vermelho
4. trama realizada apenas com laranja
5. trama realizada apenas com marrom e intercalado com passadas de uma duite e meia em cada cala, em sequencia 
6. meia duite de verde até o fim e na outra navete ia trocando de cor


vinte e três peças tecidas no tear, coloridas
jogos americanos

As peças ficaram nas medidas 30 x 45 cm.
Olhando para todos senti o prazer do trabalho realizado.
Tramar texturas sempre é outro  grande prazer.
Espero ter explicado a colocação do urdume e das tramas 
 de maneira que você tenha entendido.
Se tiver alguma dúvida é só perguntar.

Até a  próxima postagem!!!





terça-feira, 1 de setembro de 2015

Como fazer uma estufa de madeira para auxiliar na confecção das pantufas feltradas

Na postagem anterior me referi a lenda sobre as colas que podem ser usadas para colar as solas nas pantufas feltradas.
Para as solas você poderá:
. não usar, é uma escolha dependendo o objetivo do uso;
. colar alguns pontas de cola quente para aderência ao chão;
.recortar um molde no couro e costurar; achava esta idéia boa até compreender que havia necessidade de matar o animal para conseguir o couro, desisti;
. recortar um molde de emborrachado e colar;
. comprar uma sola pronta e colar.
     


caixa fechada de madeira
estufa de madeira

Escolhi o primeiro método, sem sola, e, os dois 
últimos, com sola de borracha.
Testei  com as seguintes colas:
. cola branca para papel - resultado negativo.
. cola branca para madeira - resultado negativo
. cola quente - dá um certo trabalho e desconforto mas cola direito e aguenta muito tempo, desde que não ande na rua e nem seja lavado.
. cola para canos hidraúlicos - funciona melhor ainda.
cola de sapateiro - existem dois tipos hoje no comércio: 
uma é aquela antiga e malcheirosa, amarelada, 
e a outra é esbranquiçada, quando abre a lata não tem cheiro, o fedor é menor, MAS EXISTE. 
Tem que trabalhar com a janela aberta ou na rua.
No primeiro dia que usamos, esquecemos de abrir a janela.
 No outro dia tive uma dor de cabeça imensa.
 Sabia que era efeito da cola.
A cola tradicional não requer calor para unir as duas partes:
 sola e pantufa.
Mas esta cola esbranquiçada, chamada de PVC,  para se obter maior desempenho na colagem da sola com a pantufa, 
calor é importante.
Moramos num local frio.
Conversamos sobre a caixa com uma pessoa que entende tudo de sapatos e ele nos orientou a confecciona-la.
Saiu a caixa acima.

lata de cola pvc
cola pvc

Compramos esta cola.
Já a usamos em dois lotes de pantufas.
Realmente cola melhor.

detalhe da estufa: tramela da porta
detalhe da estufa: dobradiça da porta
A madeira usamos o que sobrou da construção da casa.
Acima alguns detalhes da caixa.


caixa com a porta aberta para mostras seu interior
estufa de madeira
Ele fez duas entradas: na frente e em cima.
Esta grade é de uma estante que temos, de aramado.

manta térmica, estilete e grampeador de madeira
manta térmica, grampeador de madeira e estilete


Para a caixa se tornar uma estufa foi utilizado aquele material para equilibrar a temperatura dentro de casa 
que é instalado nos telhados, o isolante ou manta térmico. 
Aqui na serra utilizamos este material com a lâmina prateada e  luminosa dos dois lados.
Ainda é necessário ter um grampeador para madeira e um estilete.



homem terminando a colocação da lamina térmica na estufa de madeira
estufa de madeira forrada com a manta térmica

Hora de recortar a lâmina nos tamanhos necessários, 
cada pedaço da caixa. 
Este é o momento do grampeador de madeira e o estilete.
homem instalando caixa de luz na estufa de madeira
instalação da caixa de luz

Caixa forrada, mas não esta pronta.
É hora da instalação elétrica.
Você vai precisar de duas caixinhas de luz, destas amarelas.

homem instalando a resistência na estufa de madeira forrada
instalação da resistência


Fios elétricos, azul, verde e preto, de 1,5 mm2.
Alicate para corta-los.

chaves de liga e desliga e a chave do controlador de potência instalados na estufa de madeira
chaves  de controle

Vai precisar também de uma chave de liga e desliga e um controlador de potência que foi retirado do controle de velocidade de uma lixadeira pifada.

resistência numa caixa metálica instalada na estufa de madeira
resistência instalada

Na parte inferior da caixa foi instalada a resistência de aquecimento, retirada de um forninho elétrico velho.
Esta caixa metálica é do próprio forninho.
Ela protege o fundo do calor excessivo e reflete o calor para cima.

pantufa feltrada dentro da estufa de madeira pronta
estufa de  madeira

Colocar o aramado a uma certa altura da resistência
 e partir para a primeira experiência.
Estamos compartilhando mais um momento do desenvolvimento de um produto: pantufas feltradas.
Esperamos estar contribuindo para quem já está feltrando pantufas e para quem pensa em iniciar.
Se você tiver alguma dica que possa compartilhar fique a vontade para contar a todos que acompanham este blog.
Qualquer dúvida sobre a construção da caixa é só perguntar.
Estamos usando a caixa também para
 secar os rolos da estamparia vegetal.

Até à próxima postagem!!!








sexta-feira, 17 de julho de 2015

como fazer a sola da pantufa feltrada

Depois de feltrar a pantufa, secar e chegar no ponto de dizer:
 Esta pronta!
 Começa aí uma nova lenda: a sola. 
Primeiro a decidir é se realmente queremos colocar sola. 
Já fiz algumas pantufas que não coloquei sola alguma. 
O objetivo era não impedir a troca de energia 
do corpo e o planeta.

Conjunto de pantufas feltradas com lã cinza e crua
Pantufas feltradas

Neste quesito tem uma alternativa que é 
costurar um couro como sola.
Já me sugeriram algumas gotas de silicone ao longo da sola. Provoca aderência e deixa espaços livres na sola
 para a circulação de energia.
 Ficam aí duas boas idéias.

Rolo de borracha para solas de pantufas feltradas


Moramos num lugar muito frio e queríamos 
o conforto térmico que só a lã de ovelha produz.
Optamos por colocar borracha na sola.
Vieram as perguntas: 
Qual o tipo? 
Onde comprar? 
Como cortar?


Rolo de borracha preta usada como sola e pantufa feltrada
Material para sola e pantufa feltrada

Para responder onde comprar, fizemos um apanhado mental das lojas que vendem espumas, tecidos para sofá, borrachas, plásticos, etc,  que conhecemos na grande Floripa.
Encontramos duas possibilidades.
Para quem mora nesta região, 
encontramos no Busch, centro de Floripa, 
e no Plusch Plásticos em Palhoça.
Nestas lojas respondemos a pergunta qual tipo de sola.
Lá é vendido em placas, duas possibilidades de sola,
e este material é cobrado por quilo.
Tem nas cores preto, mais fino, e branco, mais grosso.
Um lado é liso e no outro tem pequenas saliências que ajudam no travamento da pantufa com o chão na hora de andar,
evitando escorregar.
Não aconselho usar para dirigir.


Pantufa deltrada colorida e sola de borracha preta recortada
Pantufa feltrada e sola


Compramos os dois, mas escolhemos usar o preto, mais fino.
Por que?
Porque o branco, como é mais grosso, precisa de equipamentos para cortar que ainda não possuímos.
Estamos na pesquisa.


Sola de borracha preta para ser usada como sola de pantufa feltrada e sandalia havaiana como molde
Sola pantufa feltrada


Como cortar?
Se estiver usando forma convencional, de madeira ou de plástico, use-o para riscar o contorno da sola.
Se estiver usando a sandália havaiana,
faça o risco do contorno com ela.
Depois é só cortar com a tesoura, e está pronta a sola.



Pantufa feltrada e bordada, com sola preta de borracha.
Pantufa feltrada com sola preta de borracha

Como colar a sola na pantufa?
Vivemos nesta pergunta outra lenda urbana.
Mas, antes da lenda se formar, como só tínhamos cola quente em casa, foi esta que usamos.
Colei a sola da minha pantufa com cola quente, 
há dois meses atrás.
Uso-a todos os dias, 
em todos os momentos que passo dentro de casa. 
Está intacta até agora. 
Estou preparando uma postagem sobre colas.

ATÉ A PRÓXIMA POSTAGEM!


Pantufas feltradas e bordadas

As  pantufas ainda estão no nosso tema diário.
Fizemos uma pequena coleção de pantufas 
cinza do lado externo e cru no lado interno.

Pantufa feltrada cinza e bordada com linha colorida
Pantufa feltrada e bordada

Os homens e algumas mulheres se adequam a cor da pantufa
por não se muito chamativa.


Pantufa feltrada cinza e  bordada com linha colorida
Pantufa feltrada e bordada

Outras mulheres gostam de que tenha mais colorido. Com um fio de fundo liso e cores espaçadas fiz este bordado.
Pantufa feltrada na cor crua com folhas marrons e bordada com linha de costura
Pantufa feltrada e bordada
Nesta  pantufa usei poucas cores para fazer
composição da estampa.
Pantufa feltrada com lã na cor cru, com folhas marrons e bordada com linha de costura
Pantufa feltrada e bordada

Usando linha de costura bordei  o ponto de alinhavo 
contornando as folhas e a flor. 
Queria este efeito meio invisível do ponto.


Pantufa feltrada com lã de cor crua, flor marrom e detalhes coloridos e bordada com fio de algodão
Pantufa  feltrada e bordada

Nesta  pantufa usei quatro  cores para fazer a composição da estampa, verde, amarelo, roxo e marrom.

Pantufa feltrada com lã na cor crua, flore marrom e detalhes coloridos e bordada com fio de algodão.
Pantufa feltrada e bordada

Além disso, na hora de feltrar coloquei
 pedaços de gaze de algodão.
Depois bordei com pontos de alinhavo e de costura,
usando linha própria para bordar.

Vale lembrar que não repeti a composição exatamente igual nos pares,  apenas as mesmas cores.

ATÉ A PRÓXIMA POSTAGEM!

quarta-feira, 8 de julho de 2015

4 dicas para moldar pantufas feltradas

Após terminar o processo da feltragem temos a pantufa pronta para os  próximos passos: moldar e secar.
Para quem não tem molde adequado  este é um momento chato.
Nesta postagem vou sugerir 
4 dicas para moldar as pantufas feltradas.



A primeira dica é uma das mais clássicas:
 utilizar sacolas plásticas para encher a pantufa.
Este método funciona legal.
É necessário  apenas ter muitas sacolas. 

segunda e a terceira dicas surgiram com a necessidade. Recebemos uma encomenda e não tínhamos o molde para o número solicitado.

Pantufas feltradas, sandalia de borracha e pedaço de cano de esgoto, dicas para moldar
Pantufas feltradas

Tiramos as tiras das sandálias havaianas e usamos a plataforma para moldar a pantufa.


Pantufa feltrada sendo moldada com sandália de plástico e cano de esgoto
Pantufa feltrada



Para dar sustentação meu marido cortou um pedaço de 

cano usado para a rede de esgoto.
 Ele cortou o cano mais uma vez e
 deixou no formato de uma meia lua. 
Encaixou no ponto do calcanhar, final da sandália...
e bingo...deu certo!!!


Moldes de madeira para pantufas feltradas
Molde de madeira

Como ele gostade trabalhar com  madeira 
surgiu a quarta dica sobre moldar pantufas feltradas.

Usando a modelagem das sandálias havaianas 

ele fez o molde em madeira.

Já testamos todas as dicas sugeridas aqui.

Até à próxima postagem!

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Acessórios para feltragem artesanal - II

Este acessório para feltrar ainda não foi batizado.
Aproveitando que estamos na produção de pantufas de lã de ovelha, vou mostrar como uso um dos acessórios 
adaptado pelo meu marido.


Acessório de madeira dentado para auxiliar na feltragem de pantufas de lã de ovelha
Acessório auxiliar para feltrar e pantufa de lã de ovelha

Esta pantufa tem u, molde de madeira dentro, 
o que facilita em muito o uso do acessório.


Acessório de madeira dentado para auxiliar na feltragem de pantufas de lã de ovelha
Feltragem manual do contorno da pantufa de lã

Dando forma no contorno do pé...

Acessório de madeira dentado feltrando sola da pantufas de lã de ovelha
Acessório feltrando a sola da pantufa

Feltrando a sola da pantufa...

Acessório feltrando o dorso da pantufa

Dando forma no dorso do pé...

Acessório de madeira dentado feltrando o dorso de pantufa de lã de ovelha
Acessório feltrando o dorso da pantufa

Dica:
 se voce não tem o molde de madeira,
 use seu próprio pé e vá dando o formato com o acessório. 
Com certeza é uma boa massagem,
 pois os rolos voltam a sua origem.


Até à próxima postagem!!!

domingo, 5 de julho de 2015

Acessórios para feltragem manual


Aproveitamento dos rolos de um massageador de pés para fabricar acessórios auxiliares na feltragem manual.
Massageador de pés desmontado

Faz uns três anos que ganhamos um massageador de pés, 

de madeira, de uma amiga. 

O presente era direcionado principalmente como um auxiliar no processo da feltragem manual.
Rolos de massageadores de pés reutilizados como instrumento para auxiliar na feltragem manual
Acessório para feltragem manual

Usamos frequentemente o presente para auxiliar na feltragem. 

Aos poucos o massageador foi perdendo o efeito para feltrar. 

Um dia meu marido sai do atelier com o massageador na mão dizendo que em 15 minutos voltaria.
Acessório para feltragem manual

Voltou 4 horas depois. 
Havia desmontado o massageador e pensou em apertar e reforçar. Mas lembrou do vídeo que eu havia mostrado a ele da
 MARINA KLIMCHUK, no facebook.
Desculpem a falha de não saber fazer o link com o filme.
Ainda aprendo a receita...

Rolos de massageadores de pés reutilizados como instrumento para auxiliar na feltragem manual
Acessório de madeira, com dois rolos para auxiliar na feltragem manual

Eu adorei esta novidade. 
Os dois podem ser usados em situações bem específicas.

Detalhe do acessório para feltragem manual

Diminui bastante o uso do rolo 

e se gasta menos energia física...rsrsrsrs....
Para quem entende e mexe com madeira fica aí a dica.
E claro, gratidão ao marido!

Até à próxima postagem!!!

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Pantufas infantis feltradas

pantufas feltradas

Com a chegada do frio decidi feltrar pantufas para crianças 
de 1 ano até 10 anos.
Usei apenas lã de ovelha para feltra-las. 

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

 Esta pantufinha é para criança de 1 ano. 

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada
  Fiz algumas brincadeiras na lã para enfeita-la. 

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

Esta é para criança de 2 anos. 
Usei pré feltro para enfeitar.

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

Pantufas para crianças de  3 anos. 
Usei sobras de outros trabalhos. 
Eram sobras muito grossas muitas pontas não feltraram. Outras tiras feltraram perfeitamente. 

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

Busquei a solução na linha e agulha para costurar e bordar.


Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

Pantufas para crianças de 4 anos.  
 Estas sobras utilizadas são as mesmas da outra pantufa. 

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

A solução foi a mesma: costurar e bordar.

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada
Pantufas para criança de 9 anos.  

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

Nesta tudo correu bem, 
resolvi enfeitar com miçangas para dar brilho.

Pantufa infantil feltrada
Pantufa infantil feltrada

Pantufa para crianças de 10 anos. 
Nesta pantufa utilizei o pré feltro. 
Tudo ok, claro. 
Cheguei neste modelo bastante confortável.

O início destas pantufas foi tranquilo:
 lã de ovelha, água, sabão, plástico bolha, toalha 
e força motriz muscular básica. 
Não tenho formas para este tamanho de pé. 
 Mesmo assim gostei da aparência final, depois de seca.
Depois disto é que começou a lenda das pantufas. 
Como colocar uma sola?
Qual tipo de sola? Onde comprar?
 Qual cola usar? Qual a melhor forma de cortar? Como secar? Qual o melhor acabamento para colocar ao redor da sola?
Encontramos todas as respostas, mas, 
descobrimos que existem várias respostas neste assunto. Depende do nível de acabamento
 que queres dar ao teu produto.

Até a próxima postagem!